Posso contar uma história?

Essa semana fui tomada por uma onda nostálgica. Discutir minhas possibilidades profissionais me faz lembrar do colégio e dos muitos recreios que eu passei sentada na escada falando dos meninos mais velhos.
Vou me formar na faculdade no final do ano, ainda me pergunto se alguém apertou o fast foward porque parece que meu trote foi ontem mesmo.
Do meu grupitcho dos tempos de São Viça uma faz Direito, outra Administração, outra faz Moda e eu Publicidade, acho que até já podemos abrir uma empresa. Mudamos tanto ao longo dos anos, mas parece, ao mesmo tempo, que continuamos as mesmas. Mudamos porque seguimos nossos caminhos, passamos até um tempo sem nos falar, temos personalidades diferentes e a distância cresceu muito com a faculdade. Mas continuamos as mesmas, somos nossas cheerleaders pessoais, torcemos, e muito, pelo sucesso da outra, seja pessoal ou profissional.
Fazemos um esforço danado para nos encontrar, mas abençoado sejam as novas tecnologias que permitem conversas quase diárias. Ontem foi um desses dias que no meio do caos e cansaço da semana nos encontramos. Conversa vai, conversa vem e como é engraçado essas conversas semi adultas. Coqueteis de lançamento, audiências, salário, trabalho… Como isso aconteceu??? Mas é lógico que os meninos (já não tão mais velhos) continuam em nossas conversas.
Faço esse post, que eu sei que é meio fora de contexto, não para me lamentar ou reviver ou passado, pelo contrário tenho uma ansiedade máxima pelo futuro. Faço esse post para exaltar grandes amizades e dizer que entendi a fala do Pedro Bial:

“Entenda que amigos vão e vem, mas nunca abra mão de
uns poucos e bons.
Esforce-se de verdade para diminuir as distâncias
geográficas e de estilos de vida, porque quanto mais
velho você ficar,
Mais você vai precisar das pessoas que você conheceu
quando jovem”

E que venham nossas formaturas, sucessos, exames da OAB, pós graduação, casamentos (opa acho que me adiantei)… Beijos mil para essas amigas que desde 2000 (???) tem um lugar cativo no meu coração. Beijos para todos os meus amigos. Aproveita e liga (ou manda um sms, bbm, whatsapp, pombo correio, sinal de fumaça) para o seu amigo só para dizer que ele é importante para você.

Advertisements

One thought on “Posso contar uma história?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s